Indique a um amigo

Professor da UCDB é classificado pelo CNPq como nível 1A

27/02/2020 - 7:00 - UCDB

Fonte: Natalie Malulei

Professor Dr. Octávio Luiz Franco

Veja as últimas notícias da UCDB para você que está interessado em UCDB

Dr. Octávio Luiz Franco, professor da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), passou a ser considerado, neste mês, pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), um pesquisador nível 1A — a mais alta classificação existente. Ele é um dos poucos cientistas em Mato Grosso do Sul a receber o título.

“Eu fico muito feliz e acredito que seja uma forma de a gente ter mais representatividade perante o Ministério da Ciência e da Tecnologia e também um poder de voz junto a outros órgãos de fomento. É algo que traz prestígio e muita responsabilidade para continuar trabalhando em prol do crescimento da ciência no Estado e no Brasil”, pontuou Octávio.

A classificação de pesquisador nível 1A foi concedida ao docente após uma avaliação de produtividade referente ao último quadriênio. De 2016 a 2019, o pesquisador teve 140 artigos publicados, orientou 60 alunos desde a iniciação científica até o pós-doutorado, e produziu dez patentes. “Foram oito anos tentando conseguir essa classificação, então ela é o resultado de bastante trabalho. Sou muito grato, principalmente, à minha equipe como um todo, porque eles me ajudam, trabalham comigo e acreditam nos meus sonhos”, ressaltou.

Na UCDB, o professor conta com o apoio de 40 pesquisadores e, além de atuar como docente do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Biotecnologia, também coordena o Laboratório S-Inova Biotech e está à frente do primeiro Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia (INCT) em Mato Grosso do Sul, localizado no campus Tamandaré, que conta atualmente com 20 pesquisas em execução com o foco na produção de medicamentos para uso veterinário.

Outro ponto que contribuiu para que Octávio subisse no ranking brasileiro de pesquisadores foi a inserção internacional. Por meio do INCT, por exemplo, cientistas de 25 países diferentes dão suporte aos estudos realizados pelo pesquisador. Três dessas parcerias foram firmadas no início de 2020 e envolvem instituições do México, da Suíça e da Noruega. Já no Brasil, além da UCDB, Octávio também atua na Universidade Católica de Brasília (UCB) e dá apoio em pesquisas realizadas em outras sete instituições de ensino superior. No total, possui uma equipe formada por, em média, 120 pesquisadores.    

Currículo

Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Federal do Ceará (1998) e doutorado em Ciências Biológicas (Biologia Molecular) pela Universidade de Brasília (2001). Fez três cursos de pós-doutorado nas seguintes instituições: University of British Columbia, no Canadá (2014), University of Edinburgh, na Escócia (2003), e no Centro Nacional de Recursos Genéticos e Biotecnologia da Embrapa, no Brasil (2002).

Atualmente é professor da UCDB e da UCB, além disso presta consultoria para 13 órgãos brasileiros voltados para pesquisa e 5 instituições internacionais. Octávio possui experiência na área de bioquímica proteomica e modelagem molecular, com ênfase em bioquímica de proteínas. Atua, principalmente, nos seguintes temas: peptídeos antimicrobianos, imunomoduladores, anticongelantes e análises proteomicas animais, vegetais e de microorganismos. Desenvolve pesquisas voltadas para o desenvolvimento de bioprodutos e bioprocessos.

Clique aqui e confira o currículo completo do pesquisador.

Notícias


25/03/2020 - 07:00 - UCDB

Transferência externa para a UCDB têm isenção de matrícula e desconto de 25% nas mensalidades

Procedimentos podem ser feitos online ou na Central de Atendimento da Universidade


20/03/2020 - 01:26 - UCDB

Artigo: Tempos de desassossego


20/03/2020 - 11:00 - UCDB

Ingresso como portador de diploma na UCDB têm descontos de até 30% nas mensalidades

Procedimentos podem ser feitos online ou na Central de Atendimento da Universidade