Indique a um amigo

Curso de Arquitetura e Urbanismo da UCDB promove palestra sobre o LAB Campo Grande

03/09/2019 - 9:00 - Graduação

Fonte: Natalie Malulei

Palestra sobre o LAB Campo Grande foi realizada no anfiteatro do bloco C no campus Tamandaré

Veja as últimas notícias da UCDB para você que está interessado em Graduação

Na noite dessa segunda-feira (2), o curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB) promoveu uma palestra aberta para a comunidade acadêmica sobre o Laboratório Urbano Efêmero de Campo Grande — uma iniciativa do coletivo Translab.Urb, do Rio Grande do Sul, que tem a proposta de identificar a forma com que o campo-grandense enxerga o local em que vive e de que maneira é possível construir uma cidade melhor.

Quem explicou como funciona o LAB Campo Grande, como a ação é mais conhecida, foi o membro do coletivo Leonardo Brawl. A partir das obras do Reviva Centro, a proposta é saber como a população gostaria que a área central da capital sul-mato-grossense funcionasse. Para isso, segundo Leonardo, o grupo escolheu a Esplanada Ferroviária, um dos pontos sensíveis da Rua 14 de julho, como espaço de atuação e promove um ciclo de atividades para debater visões alternativas referentes ao futuro da região.

“A gente acredita que o local pode ter uma utilização além do que costuma ser óbvio. Por exemplo, a esplanada ferroviária é utilizada como espaço cultural, mas ela possui um potencial para o desenvolvimento econômico da região? Existe a possibilidade de integrar uma cadeia produtiva? Queremos identificar como o patrimônio físico pode encontrar o mundo contemporâneo e ser parte do nosso cotidiano”, esclareceu Leonardo.

Para chegar à uma conclusão, o coletivo aplica uma metodologia que permite o nivelamento de todos os participantes e envolve a interação do grupo, seja por rodas de conversas, palestras e até mesmo visitas às áreas que vão sofrer transformações a partir das obras de revitalização. “Trabalhamos com o conceito da hélice quatro. São quatro pás: sociedade civil, academia, setor privado e a parte pública. Todos os integrantes são convidados a participar em pé de igualdade. Não consideramos hierarquia, queremos que as pessoas aportem os conhecimentos que possuem a partir dessas atividades e a gente colhe informações”, pontuou Leonardo.

O coletivo iniciou o trabalho no dia 19 de agosto e segue na Esplanada Ferroviária até o dia 23 deste mês. Após esse período, todas as informações coletadas irão compor um diagnóstico que será entregue ao poder público. Mais informações sobre o LAB Campo Grande podem ser adquiridas por meio da página da iniciativa no Facebook, basta clicar aqui.  

Notícias


23/01/2020 - 08:00 - UCDB

Projeto Gira-Livros promove a troca de livros

Podem participar acadêmicos, colaboradores e visitantes


22/01/2020 - 08:00 - Extensão

Matrículas abertas para atividades da Universidade da Melhor Idade

São oferecidas 13 atividades


21/01/2020 - 12:00 - Pastoral

Novo Pró-Reitor de Pastoral da UCDB será ordenado sacerdote no próximo sábado

Cerimônia será no Santuário de Nossa Senhora Auxiliadora, em Cuiabá