Indique a um amigo

Seminários indígenas encerram-se com análise das experiências compartilhadas entre participantes

21/09/2017 - 09:00 - Mestrados e Doutorados

Fonte: Michele Moraes

Veja as últimas notícias da UCDB para você que está interessado em Mestrados e Doutorados

Um debate sobre as experiências compartilhadas durante o VII Seminário Povos Indígenas e Sustentabilidade, realizado em conjunto com o II Seminário do Observatório da Educação Indígenas (UCDB/CAPES), foi promovido na noite desta quarta-feira (20) e encerrou os dois eventos.

No anfiteatro do bloco B da Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), a análise sobre as contribuições promovidas aos participantes pelos seminários foi feita pelo representante do Museu Nacional e pesquisador antropólogo não-indígena da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Antônio Carlos de Souza Lima e também pelo e doutorando indígena Luis Henrique Eloy Amado. A professora do Programa de Pós-Graduação em Educação da UCDB Adir Casaro Nascimento foi quem mediou a discussão.

Na mesma data, durante a manhã, foi promovida outra mesa redonda sobre “As experiências de formação na Educação Superior e as práticas nas comunidades indígenas”, com os palestrantes Jovina Mafra dos Santos da etnia Macuxi, Lídio Cavanha Ramires da etnia Kaiowá, Leosmar Antônio da etnia Terena e Célia Nunes Correa da etnia Xacriaba.

Célia foi a primeira a falar e expôs a experiência adquirida no campo em que desenvolve pesquisas: pintura corporal e espiritualidade. “O que é espiritualidade? É tudo aquilo que é ciência. Ciência é tudo que é segredo e segredo é sagrado”, mencionou.

Ainda no período matutino foi realizada uma atividade cultural, um grupo de indígenas fez uma dança tradicional com chocalhos, ao mesmo tempo proferiram uma oração e utilizaram óleos sagrados. Frascos da substância foram entregues aos participantes dos eventos.

Durante os dois seminários que tiveram início na segunda-feira (18) foram realizadas duas conferências, três mesas redondas e apresentações de trabalhos dos alunos do Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) — um dos organizadores do evento junto com o Grupo de Pesquisa Educação e Interculturalidade, Observatório da Educação/Educação Indígena e o Núcleo de Estudos e Pesquisa das Populações Indígenas (NEPPI).

“Eu gostaria de agradecer a Universidade Católica Dom Bosco por oferecer a oportunidade para que, nós indígenas, pudéssemos estar aqui, falar um pouco sobre os saberes tradicionais e participar do seminário não apenas como ouvinte, mas como alguém que tem voz para dizer o que pensa sobre a educação escolar indígena”, declarou a indígena da etnia Terena da aldeia Buriti e também mestranda da Católica, Cledeir Pinto Alves. 

Texto sob supervisão de Natalie Malulei.

Notícias




13/07/2018 - 07:00 - Vestibular

Resultado do Vestibular Agendado UCDB 2018 é divulgado hoje pela Católica

Aprovados podem fazer a matrícula por meio da Central de Atendimento no bloco Administrativo